Mistério no Mediterrâneo – Leia a Crítica!

A dupla de “Esposa de Mentirinha” está de volta novamente em uma comédia romântica lançada pela Netflix. É claro que “Mistério no Mediterrâneo” não chega a ser bom como o anterior, mas o fato é que consegue nos divertir se não formos tão exigentes. A química entre Adam Sandler e Jennifer Aniston é boa, mas poderia ser melhor aproveitada. É que em alguns momentos os personagens desses dois atores acabam sendo caricatos demais e esse certo exagero na interpretação acaba nos irritando em determinadas cenas. Em termos de atuações o filme nos traz mais do mesmo. Ou seja, nada que não tenhamos vistos nos longas produzidos por Sandler antes.

A premissa é aquela antiga, de um casal que está na mesmice do casamento e enfrenta dificuldades no relacionamento. Mas uma viagem vai mudar a vida dos dois. E é justamente o que acontece nessa viagem que dá um gás ao longa na segunda metade de projeção. Diversos personagens em um navio e um acontecimento grave nos atiça a curiosidade de saber como aquilo tudo vai terminar. E isso talvez seja o melhor da narrativa, mas que infelizmente é deixado em segundo plano para que o casal tenha destaque, com algumas piadinhas que não encaixam bem em certos momentos.

O filme tem uma belíssima fotografia com paisagens fascinantes de cidades parisienses, especialmente Mônaco. Esse ambientes glamurosos são muito bem explorados na projeção e enchem os olhos do público. Alguns personagens secundários acabam se tornando interessantes. Outros ridículos. O jogo de gato e rato é o que move a produção e faz com que a gente se empolgue pra ver o final, que nem é tão interessante assim.

“Mistério no Mediterrâneo” é um filme light, daqueles que merecem ser vistos caso não tenha nada de mais interessante pra fazer. É daquelas comédias românticas pra passar o tempo que no fim a gente fala “é legalzinho”. Poderia ser bem melhor caso o mistério do título fosse mais explorado na narrativa, o que infelizmente não aconteceu.

Nota 6